História do Rottweiler

História do Rottweiler

O Rottweiler é um cão entre as raças mais antigas. Sua origem é atribuída aos romanos, onde foi criado como um cão de guarda e boiadeiro. Esses cães imigraram com as legiões romanas através dos Alpes, guardando homens e tocando o rebanho.

Nos arredores de Rottwell, eles se encontraram com os cães da região. houve, então, uma miscigenação. Assim a tarefa principal do Rottweiler voltava a ser a condução e a guarda de grandes rebanhos, de grandes animais e a defesa do seu dono e seu patrimônio.

Ele recebeu esse nome por causa da antiga cidade de Rottweil: Rottweiler Metz-gerhund (Cão de açougueiro de Rottweil). Os açougueiros criar a mesta raça por pura exibição, sem qualquer utilidade para ele. Assim no decorrer do tempo, este cão de passeio passou a ser mais utilizado como cão de tração.


Cão Policial

Rottweiler cão de guerra

No início do século, quando se pesquisaram diversas raças para a função policial, o Rottweiler também foi avaliado. Em pouco tempo demonstrou ser extraordinariamente adequado às tarefas do serviço policial.

Como resultado, no ano de 1910, foi oficialmente reconhecido como um cão policial. A criação do Rottweiller pretende um cão forte, preto com marcações em marrom avermelhado, claramente definidas, que, apesar do aspecto geral massudo, não deve prescindir de nobreza, além disso, sendo altamente indicado como cão de companhia, proteção e utilidade.


Fotos


Vídeo


Tour virtual por Rottweil na Alemanha

Conheça mais a Cidade que deu origem ao Rottweiler na Alemanha

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *